No último dia 18 de junho, quarta-feira, a equipe da Doutor E-commerce participou do primeiro evento da Intelipost, o Intelipost Connection, primeiro evento focado no futuro das entregas no e-commerce.

 

Com tantos eventos no meio do e-commerce como VTEXDAY, o objetivo da Intelipost era criar um evento focado em entregas e experiências do consumidor relacionado às entregas.

 

O nome do evento Intelipost Connection faz alusão à conexão que se deseja criar entre lojas e consumidores. Além da conexão de pessoas com pessoas, trazendo profissionais da área da logística para conversar e contar sobre suas experiências e vivências no ramo da logística no e-commerce.

 

Leia mais sobre como trabalhar sem os correios.

 

Leia mais sobre importância das embalagens no e-commerce.

 

O evento durou das 9h às 18h, contando com 2 salas de conteúdo simultâneas nas quais os participantes poderiam optar por quais palestras assistirem.

Com salas focadas em Customer Experience, Ominichannel, Cross Border e Innovation, o evento reuniu mais de 20 palestrantes, stands de empresas e um público de aproximadamente 700 pessoas.

 

Por que fazer um evento focado no futuro das entregas?

Além dos realizadores sentirem falta de um evento específico para essa vertente, o Intelipost Connecton visou trazer informações importantes para ajudar na hora de converter clientes em sua loja virtual e expandir horizontes, como entregas internacionais.

 

Segundo dados apresentados, o principal motivo da desistência da compra ainda se deve ao custo do frete elevado.

Já discutimos questões de frete em outros artigos e temos um vídeo no canal do Youtube com o especialista e fundador da Mandaê, Karim Hardane, sobre esse assunto.

 

Em segundo lugar, com 46% dos votos, está a falta de confiança no site / loja virtual.

Um dos nossos 9 pilares do e-commerce, são os selos de segurança do site. No Brasil, infelizmente, ainda existe essa desconfiança em colocar dados pessoais e, principalmente, relacionados a cartões de crédito e cobrança.

 

Por isso é importantes que os selos de segurança fiquem claros e visíveis aos compradores, para que não haja esse problema.

 

Leia mais sobre o Movimento Compre e Confie.

 

Evolução do e-commerce

O valor do e-commerce global no varejo, em 2018, atingiu um total de 2,8 trilhões de dólares. A projeção é que em 2021, esse valor chegue em 4,8 trilhões.

Ou seja, o e-commerce ainda tem muito que crescer mundialmente.

 

No Brasil, esse setor movimentou cerca de 16 bilhões de dólares em 2018, mostrando um crescimento de 12% em relação ao ano anterior.

Dados da Webshoppers mostraram que o país chegou a 123milhões de pedidos no ano passado.

 

Apesar de que desde 2015 o mercado de e-commerce vem apresentando queda no crescimento, devido à crise financeira, houve crescimento de 2 dígitos em 2018 e as perspectivas são de aumento.

 

Logística com foco no consumidor

A logística é um dos principais regulamentadores de satisfação e insatisfação no consumidor.

Se o produto foi entregue sem avarias; se foi entregue no prazo estipulado; como foi a experiência de entrega e toda a entrega. Basta um de esses pontos serem ruins que o consumidor não indicará sua loja aos conhecidos.

 

É importante lembrar que a logística tem que ser focada no consumidor. É ele quem vai receber o produto, indicar seu e-commerce ou não e voltar a comprar. A satisfação dele é o fator mais importante a ser levado em consideração.

Afinal o tema “satisfação do consumidor” foi um dos temas principais das conversas.

 

A satisfação na experiência de compra no Brasil já é maior em lojas online do que em físicas, com 88% e 60% respectivamente.

 

Grande parte do que deve ser considerado quando falamos sobre o futuro das entregas no e-commerce é o consumidor.

 

Não é mais sobre empresas fazendo entregas em benefícios de outras, mas sim, sobre o consumidor final, sobre maneiras de fazer a logística pensada no cliente.

E esse é o futuro no qual as empresas de transporte devem mirar.

 

A logística no Brasil

Nadir Moreno, presidente da UPS Brasil, apresentou pesquisas feitas pela UPS sobre as entregas em territórios brasileiros.

 

59% dos brasileiros querem entregas no mesmo dia.

58% querem entregas aos sábados.

79% desejam entregas mais convenientes

– mais locais de retirada

– horários maiores de entrega

– menores taxas de entrega

 

O brasileiro é um povo que não gosta de esperar. Por isso uma solução para melhoria das entregas seria facilitar os locais de retirada do produto e em horários nos quais a pessoa estaria disponível. Sem ter que perder o dia em casa esperando encomendas.

 

Também foram apresentados dados de compra do brasileiro em sites do exterior. Perdendo apenas para o Canadá, no Brasil 82% compra de lojistas internacionais.

O maior motivo das compras no exterior são os preços mais acessíveis. 60% afirmaram que os preços no exterior compensam mais

 

Conclusão

O brasileiro ainda possui barreiras a serem quebradas na hora de finalizar a compra online e o frete é uma delas.

Já discutimos em artigos anteriores, mas vale a pena reforçar. Não é porque o frete é um grande obstáculo que significa que oferecendo frete grátis, suas conversões aumentarão.

 

Oferecer frete grátis ainda é um desafio para muitos e-commerces, em especial aqueles que são pequenos ou em início de operação, pois o poder de barganha é menor.

O planejamento é essencial para seu e-commerce ter lucro.

 

E também a logística é sobre experiência de entrega e experiência do consumidor. Por isso damos importância às embalagens e como elas chegam ao consumidor final.

Na consultoria, já tivemos problemas de a embalagem chegar vazia ao cliente. Mesmo que a culpa não seja do e-commerce, como contornar esse problema com o consumidor final? Pois a experiência de compra já não é a mesma.

 

Assista ao vídeo de extravio dos correios.

Deixe um Comentário

Entre em contato