fbpx

Este é um Guia de como começar seu e-commerce do zero em 9 etapas com o método validado por milhares de lojistas que foram atendidos dentro da consultoria de e-commerce, Dr. e-commerce.

 

Aproveite para se inscrever no canal e receber conteúdos como esse em primeira mão ou faça parte das redes sociais e o grupo exclusivo no Telegram.

 

“Não tenho loja, não tenho negócio e quero começar. Como eu começo?”

 

É a pergunta que mais escutamos na consultoria. Porém, infelizmente, as pessoas procuram algum tipo de norte quando as coisas já começaram a dar errado, enfrentando dificuldades, empacado em alguns processos ou até mesmo aquela sensação de “estou completamente perdido”.

 

Vamos alinhar alguns pontos antes para entender como é o processo.

 

Uma loja que começa do Zero, não significa sem investimento, mas sim de um ponto de partida. É necessário investimento financeiro para fomentar seu negócio. Igual na Bolsa de Valores, precisa investir primeiro para ter retorno.

 

Mas, vamos as etapas para começar o e-commerce do zero.

Lembrando que todas elas foram validadas em diversos negócios que orientamos e parte delas aplicada no Curso Como Criar sua Loja Virtual do 0 e de forma Profissional. Para mais detalhes, confira o link para saber mais.

 

O objetivo aqui é ajudar de forma geral aos passos para abrir sua loja de forma profissional.

 

O Primeiro ponto é o Planejamento.

Sem ele, não temos um “plano de vôo”. É preciso um objetivo e um norte.

Até para não decidir nada de errado ou reduzir muito a chance de erros.

Isso evita perdas financeiras e minimiza a chance de colocar o dinheiro no lugar errado.

Afinal, muitos começam com uma verba justa e não podemos deixar isso acontecer.

 

Mas como eu monto um planejamento básico e rápido?

É simples, precisamos escolher um segmento de mercado que irá atuar, recomendamos algo que já conheça, que tenha familiaridade.

 

Pois, é necessário grande aprofundamento e o segredo de vender bem é comprar bem!

 

Cuidado com os líderes de mercado, pois grandes segmentos, possuem grandes empresas que irão dificultar muito sua concorrência. Exemplo de categorias que serão BEM difíceis de trabalhar: celular, informática, linha branca, eletrônicos e tênis.

 

Contudo, se bem segmentado, escolhendo uma vertical específica, é possível competir, sim.

 

Crie um segmento dentro do segmento.

Mas cuidado em vender Nike por exemplo, pois até na aquisição de oferta é muito mais complicado, autorização de venda, pedidos com 8 meses de antecipação e por ai vai….

 

Entenda bem quem é o seu público alvo, sua Persona.

 

E mire toda a comunicação, relacionamento e direcionamento da sua empresa nesse “personagem”.

 

O lojista precisa entrar neste mundo para falar a língua dele. E sempre que possível, gere conteúdo de relevância para esta persona.

Seja na descrição do produto, produção da foto, dica de utilização ou nas redes sociais.

 

 

Depois do Nicho de mercado, você precisa adquirir essa oferta.

 

Lembra sobre o que dissemos sobre familiaridade?

É exatamente para achar bons parceiros; Pesquisar não apenas na internet,  pois muitos não trabalham ainda no online.

 

Vá atrás dos grandes Polos também, pois ali é possível ter uma visão melhor e mais ampla.

E detalhe, compre bem.

 

Após isso, é preciso entender com quem irá “brigar”.

 

O ideal é pesquisar isso antes de começar a comprar. Até para entender posicionamento das empresas, de ofertas, margens aplicadas e tudo mais.

 

Precisamos saber fluxo financeiro do seu negócio; quantidade de investimento; custos para colocar no ar e o principalmente, custos para manter o seu negócio.

 

E já considere aqui que o retorno previsto é entre 12 e 24 meses. Única coisa que dá retorno antes é serviço e em tese. Venda de produto, é preciso investir primeiro.

 

Depois,  desenhe suas metas.

Se não enxergo, não alcanço.

Comece devagar, cresça aos poucos, mas desenhe seus desafios e metas.

 

Por fim, no planejamento, crie um cronograma com datas e trabalhe duro.

Afinal, até hoje, não conhecemos nenhuma história de sucesso sem ter trabalhado.

 

Na segunda etapa do meu método, precisamos adequar a empresa, ou seja, precisamos “nascer”.

Pois até para começar a comprar, você precisa de um CNPJ para receber a Nota Fiscal de Entrada.

Pode começar como MEI?

Claro que pode, entenda as classificações cabíveis e lembre do limite de faturamento. Mas como está começando o e-commerce do zero, pode começar com um custo bem baixo de imposto e ir reenquadrando a empresa depois.

(https://www.youtube.com/watch?v=IE4VCf0bP7E).

 

Abra uma conta ou trabalhe com uma carteira digital, MercadoPago, PagSeguro.

Recomendamos usar uma conta digital que viabiliza a gestão de dinheiro (Conta Simples por exemplo – https://simplespj.com/thiagosarraf).

 

Terceiro ponto, para vender, precisamos de estoque.

Comece testando e sentindo.

 

Mais sortimento do que profundidade é o ideal.

Afinal, ainda não sabemos o que irá dar certo.

 

Mas é necessário a garantia que consiga repor rápido, pois se der certo, teremos a chance de acertar o volume da demanda.

Precisamos validar seu negócio antes de apostar alto no seu estoque.

 

Quarto ponto: monte sua loja, sempre monte uma loja própria.

 

Defendemos que é preciso ter sua casa própria.

E se quiser forçar em Marketplace, trabalhe com ele também, mas tenha a chance de se relacionar direto com o seu consumidor.

 

Pode até ser uma loja pequena, mas tenha essa experiência.

Aqui recomendamos começar pequeno, testando, sem gastar muito dinheiro.

Chamamos de MVP (Mínimo Produto Viável), começar do menor tamanho possível dentro de uma viabilidade e testar.

 

É possível para começar barato?

Sem dúvidas!

Use um ERP para controlar seu estoque e seu fiscal, use o Bling (http://parceiro.bling.com.br/sarraf) e ganhe 3 meses na minha URL de afiliado.

e a sua loja virtual com a Loja Integrada por exemplo (https://app.lojaintegrada.com.br/public/assinar?utm_source=partners&utm_campaign=31), usando minha url de parceiro.

 

Aqui já temos uma estrutura bem barata, comprando um tema de R$ 499,00, ativamos sua loja com menos de R$ 1.000,00, fora os demais custos é claro.

E vamos ter um negócio de R$ 200,00 mensais de manutenção (dependendo do plano). Acredite, é um negócio barato, estamos começando.

 

Qual o motivo de começar barato?

Queremos que o seu dinheiro, boa parte dele, vá para o estoque e principalmente para o Marketing, afinal, sem fomento, sem venda.

 

Quinto ponto: cadastro de produto e a melhor produção de foto possível.

Lembre-se que isso faz o papel do vendedor na internet e isso vai diferenciar você dos demais.

live commerce

Sexto,

precisamos receber o dinheiro, então, vamos fechar com um meio de pagamento para te ajudar, com uma boa taxa e uma aprovação acima da média.

Ou seja, ele pode não autorizar as transações.

 

Sétimo: envio de produtos.

Sempre defendemos para ter o seu contrato com o Correios para ganhar os benefícios dos planos conforme escolher.

 

Mas temos como começar com soluções de entrega como MelhorEnvio, Frenet, dentre outros.

 

Oitavo, capriche muito no atendimento e no pós venda.

Pois como o pai do Marketing (Kotler), dizia é muito mais barato manter um cliente do que ficar conquistando novos.

 

Óbvio que no e-commerce você vai sempre buscar novos clientes, mas a fidelização gera Recompra.

 

E é isso que faz suas operações darem certo, o cliente voltar por vontade própria.

 

Interaja com seus clientes, incentive avaliações, deixe pontos de contato, atendimento via Whats, Chat e por ai vai. Sempre responda rápido, quanto mais rápido mais fácil dele converter.

 

E Nono, precisamos anunciar sua loja, buscar clientes e alcançar suas personas.

Se você não tem essa competência, precisa adquirir ou encontrar um Gestor de Tráfego para te ajudar.

 

Mas é simples, comece pelo menos com uma campanha no Google Shopping por exemplo. É a melhor campanha para fomento de venda de produto na internet (alguns segmentos performam melhor em Social Media), mas aqui é um norte para começar.

 

E qual o resultado disso tudo?

É a venda, e parabéns, seu e-commerce nasceu. Quem tem amigos tem pedidos!

Comece dessa forma, devagar, estruturado e crescendo!

É claro que aqui, estamos em um desenho Macro, das etapas Gerais para criar sua loja e dentro de cada uma tem uma série de atividades.

 

Que você mesmo pode mapear ou pode obter ajuda através de Cursos, Mentorias ou Consultorias.

 

Agora também faz parte das estratégias vender nos marketplaces para acelerar o passo das vendas.

 

Porque lá existe uma demanda latente que, acertando a oferta, a venda é feita.

 

Porém, cuidado com a sua margem. Venda sempre ganhando dinheiro. (https://cursos.drecommerce.com.br/todos-materiais).

 

 

E aqui vai uma dica de ouro para escalar o seu E-commerce do Zero

Depois de rodar o seu negócio, precisamos buscar a escala, o crescimento, a alavancagem.

 

Para isso, são necessários Produtos (aumentar o mix de produtos, aumentar a profundidade de estoque).

 

Pois isso irá Aumentar o Investimento em Marketing para ganhar mais Alcance.

Dessa forma, podemos subir um degrau de faturamento e por ai vai.

 

Todos os clientes da consultoria que cresceram bem, seguiram essa etapa.

 

Para ter sucesso, aplique as etapas e sempre busque o aperfeiçoamento do seu negócio.

 

De acordo com o Sebrae, 80% das empresas fecham depois de 1 ano de vida.

 

Aqui dentro da consultoria, a taxa de insucesso é inferior a 5%.

Então, bora fazer parte desses 95%

 

Se ainda não conseguiu começar ou está perdido, deixe seu comentário e iremos ajudar.

construtor de site

➜Garanta a sua Vaga na Comunidade Ecommerce Fit e deixe seu e-commerce em Forma 💪💪

https://www.doutorecommerce.com.br/comunidade/

 

Gostou? Curta, Comente e COMPARTILHE o Artigo Como Montar um E-commerce do Zero.

#ecommercedozero #ecommerce #comecarumecommerce

 

Criando um e-commerce na prática e do zero

Empreendedorismo

Ecommerce

Ecommerce do Zero

Como começar um Ecommerce

Vender na Internet

—-

 

➜ Leia Também: https://www.doutorecommerce.com.br/criando-um-e-commerce/tudo-o-que-voce-precisa-saber-sobre-mei-antes-de-abrir-o-seu-e-commerce/

 

Deixe um Comentário

Abrir whastapp
Precisa de Ajuda?
Olá posso te ajudar?