fbpx

O avanço da tecnologia e o crescimento do comércio eletrônico trouxeram a informação como um dos requisitos principais para promover a empresa e alcançar o público desejado. O conteúdo já é apontado como uma das estratégias capazes de gerar o maior número de conversões.

Já foi provado que, para aumentar o ROI de um e-commerce de forma relevante, é preciso investir em conteúdo. A entrega de informações de qualidade ao cliente, portanto, está se tornando um método “obrigatório” de apresentar a marca, a empresa e os produtos e serviços oferecidos, além de fortalecer o relacionamento com seus consumidores.

O caráter do conteúdo disponibilizado depende do conceito que se quer transmitir com determinada campanha. Neste quesito, cabe à empresa decidir se optará por uma vertente informativa, educativa ou de entretenimento. O importante é que se trabalhe com criatividade e, principalmente, originalidade.

Produzir informação de qualidade sobre os produtos e a marca também ampliará a capacidade de otimização do negócio, o que garantirá relevância ao seu site nos mecanismos de busca. Por sua vez, as lojas virtuais não podem deixar de investir em conteúdo personalizado e que, de fato, seja do interesse de seu público-alvo, pois este mecanismo se tornou uma das melhores estratégias de marketing para um e-commerce.

A realidade atual, porém, não considera o conteúdo como algo realmente estratégico. Grande parte das lojas virtuais brasileiras acredita que disponibilizar informação só é útil quando o cliente deseja efetuar uma compra. Uma minoria utiliza blogs com conteúdo relevante ao seu nicho, enviam newsletter com informações de interesse público, criam descrições originais para seus produtos ou possuem textos com dicas em relação àquilo que vendem.

Apesar de não ser valorizado como deveria no e-commerce nacional, o conteúdo é uma ferramenta bastante poderosa para, como já mencionado, aumento de conversão e geração de tráfego orgânico. É, também, uma excelente oportunidade para que a empresa garanta sua presença desde o início do ciclo de compra do cliente, como ele está apenas pesquisando por informações. Caso uma marca se relacione com o consumidor nesta fase, ela certamente se colocará a um passo a frente de seus concorrentes no momento de decisão de compra.

Pode-se perceber que criar conteúdo de relevância também gera confiança, autoridade e visibilidade, além de fortalecer a imagem da marca e facilitar o compartilhamento nas redes sociais, já que as pessoas estão muito mais propensas a compartilhar conteúdo do que produtos. As informações podem ser oferecidas de diferentes formas, como através de artigos, guias, vídeos, podcast, infográficos etc. O conteúdo também pode estar nas descrições sobre produtos, de forma detalhada e completa.

A divulgação de conteúdo também é versátil em relação ao seu canal de distribuição. Uma mesma informação pode ser produzida e distribuída através de diferentes meios, como em mídias sociais, na própria loja virtual, no blog, no e-mail marketing, entre outros. Neste caso, o ideal seria identificar quais canais de comunicação garantem a preferência de seu público e utilizá-los como meios principais.

Em relação aos assuntos, é possível descobrir os mais interessantes para seus clientes através de pesquisas por e-mail, redes sociais e outros canais que possibilitem uma coleta de sugestões. Também é possível trabalhar com as dúvidas constantemente enviadas ao SAC da empresa. Esta pesquisa é extremamente importante, já que o conteúdo fornecido deve prender a atenção do público, de forma que garanta uma imagem positiva à empresa e, futuramente, a criação de um desejo de compra por parte dos consumidores, o que se converte em um ticket médio maior, pois será um investimento com futuro certo.

Na consultoria Dr. E-commerce, destacamos durante todo o processo a importância de gerar conteúdo, orientando nossos clientes a respeito da melhor forma de utilizar esse recurso. Em paralelo, trabalhamos com as formas de aliar este conteúdo ao SEO, o que é muito importante, pois ele fará parte de um processo de indexação que dará um peso bastante relevante ao ranking de buscas.

Em relação ao SEO, é importante ressaltar que o trabalho dá resultados em médio a longo prazo, ajudando muito nas vendas. Em curto prazo, como já falado, auxilia a tomada de decisão dos clientes, pois transmite autoridade no assunto. É preciso evitar, por exemplo, as descrições que copiam o título do produto, procurando “vendê-lo” até o momento de finalização da compra.

É possível perceber que a informação se tornou realmente importante para o e-commerce atual, em diversos aspectos. Vale a pena, portanto, investir nesta estratégia. Será que a sua empresa está investindo em conteúdo de qualidade? Caso a resposta seja negativa, preste atenção e promova “reformas”!

Deixe um Comentário

Abrir whastapp
Precisa de Ajuda?
Olá posso te ajudar?