Com a abertura de novas lojas virtuais, vamos falar sobre os erros que o lojista físico comete no online.

Desde o início da pandemia, a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico registrou a abertura de aproximadamente 107mil novas lojas.

Com a crise, diversas lojas físicas foram obrigadas a se digitalizarem e muitos empreendedores do físico migraram para o online para continuarem as vendas.

.

Acostumados com o comércio físico, porém, estes lojistas cometem erros ao ir para o online.

Dessa forma, vamos dar dicas de quem precisa se digitalizar e busca abrir uma loja online.

.

Planejamento, o erro principal

Um dos grandes erros que o lojista físico comete no online é não se planejar. Para quem acompanha o nosso conteúdo, sabe da importância do planejamento para o sucesso do negócio.

Planejar bem não significa, necessariamente, que a loja demore para estar pronta para vender.

.

Em tempos nos quais a reabertura do comércio físico não foi totalmente liberada, quem depende do comércio para garantir o sustento necessita de velocidade para abrir o negócio.

Quando falamos em planejamento, falamos em montar uma estrutura do negócio maior e mais complexa do que simplesmente montar a loja e deixar lá para vender.

.

Diferente do comércio físico, o seu e-commerce não garante consumidores simplesmente por estar lá.

É como se a loja física fosse aberta, mas não tivesse nenhum indicativo que no local tivéssemos uma loja.

Sem vitrine, sem nome, sem nada na frente que indicasse que há uma loja ali. É assim que é o seu negócio online sem planejamento.

.

Plataforma

erros que o lojista físico comete no online

.

Com inúmeras plataformas existentes no mercado, o lojista físico fica perdido na qual contratar.

A pergunta que mais recebemos na consultoria é “qual melhor plataforma?”.

.

O problema é que não existe a plataforma ideal para todo o qualquer tipo de negócio.

A melhor plataforma é aquela que melhor atender às necessidades do seu projeto.

Assim, elaboramos um comparativo de plataformas, totalmente gratuito, para você ter acesso e meios de comparação, inclusive com as minhas notas pessoais à cada uma das plataformas.

.

As notas baixas não significam que a plataforma seja ruim, e sim que são plataformas que acabei utilizando menos em minhas consultorias, por isso a minha experiência com estas, é menor.

Garanta seu acesso ao melhor comparativo de plataformas!

.

Cobertura de estoque

A cobertura de estoque é um detalhe que muitos, mesmo começando no e-commerce, ainda cometem.

Explicando de maneira geral, a cobertura de estoque do online é 2,5 produtos para cada venda, enquanto a do físico é 5 para 1.

.

Ou seja, a cada produto vendido, na operação online, é preciso ter 2,5 vezes aquele produto no estoque. Não é porque as operações são online que não é necessário o estoque, muito pelo contrário.

O consumidor leva muito em consideração o tempo de entrega do produto, e a não ser que a sua loja seja de fabricação própria, o consumidor não quer esperar 10 ou 15 dias para que o produto seja enviado até ele.

.

A cobertura de estoque é um dos erros que o lojista físico comete no online que mais podem afetar as vendas. Afinal, se não tem produtos, como a venda pode ser feita?

Neste vídeo, o especialista Thiago Sarraf explica em mais detalhes sobre como o cálculo da cobertura de estoque deve ser feito.

.

.

Marketing e estrutura

erros que o lojista físico comete no online

O investimento em marketing é essencial para o seu negócio, pelo menos, criar presença na internet.

Apesar de sua marca já existir no ambiente físico, ela ainda é desconhecida na internet.

E então que entra o investimento em marketing e divulgação da sua loja.

.

No online, seu e-commerce está competindo com milhares de outras lojas, por isso é importante que haja um investimento inicial em divulgação para que tanto sua loja quanto os produtos comercializados sejam conhecidos.

Ter um e-commerce não significa colocar a loja no ar e deixar as vendas acontecerem.

Assim como no ambiente físico, é preciso de espaço e que haja uma estrutura adequada para que as vendas possam acontecer.

.

Desde embalagens, emissão de notas, espaço para o estoque e também a contratação de ferramentas que auxiliem no processo de organização e vendas, é preciso que a estrutura esteja organizada.

.

Precificação

Dentro os erros que o lojista físico comete no e-commerce, está também a precificação.

Não baseie seu preço em relação aos do concorrente, afinal, a loja ao lado pode não ter validado todos os processos corretos para a precificação dos seus produtos.

.

Cuidado, também, ao inserir preços divergentes para a venda online e para a venda física.

Antes era comum observarmos o preço da estrutura online ser mais barato, porém, isso hoje já não é mais válido.

.

Faça contas, inclua os gastos e precifique corretamente os seus produtos. Preços absurdos obviamente não atraem o consumidor.

Porém, colocar os preços lá em baixo não significa que as vendas serão maiores, também.

Disponibilizamos uma planilha de fácil acesso na qual você consegue calcular o preço de seus produtos com facilidade.

Obtenha acesso: https://drive.google.com/file/d/15f8V3L-WMogZMxjFeCdvV093M70h2Lsi/view

.

Erros que o lojista físico comete no online

Desde o planejamento até o preço de venda do produto no ambiente virtual, o lojista físico que não se prepara não sabe se destacar no e-commerce.

.

Abrir um e-commerce é fácil, com muitos planos grátis de plataforma, além das ferramentas, é muito simples deixar os produtos lá para vender.

Porém, destas 107 mil novas lojas abertas, quantas realmente se destacarão?

.

Quantas não serão mais uma estatística do Sabre sobre lojas fechadas?

Não deixe a sua loja torna-se estatística, não cometa os erros que o lojista físico comete no online.

.

erros que o lojista físico comete no online

Deixe um Comentário

Abrir whastapp
Precisa de Ajuda?
Olá posso te ajudar?